Saltar para o conteúdo principal da página

Cookies

Este website utiliza cookies. Ao continuar a navegação está a aceitar a sua utilização.

Caso pretenda saber mais, consulte a nossa política de privacidade.


O sítio para a divulgação, partilha e promoção das melhores práticas de acessibilidade para conteúdos Web e aplicações móveis.
O sítio para a divulgação, partilha e promoção das melhores práticas de acessibilidade para conteúdos Web e aplicações móveis.

ecossistema
acessibilidade.gov.pt

Os sítios e as ferramentas de apoio à acessibilidade e à usabilidade, para garantir a promoção das boas práticas e melhorar a experiência de utilização dos serviços digitais.

Dia Internacional das Pessoas com Deficiência

26 de Novembro, 2020

No próximo dia 3 de dezembro celebra-se o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, uma boa data para relembrar a importância da acessibilidade, da experiência de utilização dos serviços digitais e para aumentar a consciencialização para uma sociedade cada vez mais inclusiva. Conheça as ferramentas ao dispor e alguns dos eventos que assinalam a data.

Este dia pretende aumentar a consciencialização para o tema e promover os direitos das pessoas com deficiência em todos os aspetos da vida, num mundo onde muitas pessoas enfrentam barreiras de acessibilidade devido às suas necessidades específicas. Só em Portugal, de acordo com os Censos de 2011 do INE, cerca de 18% da população tem algum tipo de deficiência ou incapacidade.

Nesse cenário, as Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) e o digital têm um papel preponderante, porque são um facilitador e um fator de inclusão, sendo essenciais para remover barreiras e contribuir para uma vida independente. Mas para isso, os serviços digitais precisam de ser acessíveis e fáceis de utilizar e o site acessibilidade.gov.pt há muito se assumiu como a referência para a acessibilidade digital em Portugal.

Este ano foi lançada uma versão melhorada do site e várias ferramentas de apoio: a nova versão do AccessMonitor, que permite avaliar automaticamente a acessibilidade Web e gerar um relatório de acordo com as diretrizes WCAG 2.1 do W3C, e o Gerador, que permite criar a Declaração de Acessibilidade e Usabilidade para sites da Administração Pública (AP).

Até ao final do ano será lançado o novo Observatório Português da Acessibilidade Web com o objetivo de ser o observatório público das práticas de acessibilidade e usabilidade em sítios Web e aplicações móveis, identificando, monitorizando, promovendo as melhores práticas e gerando a consciencialização de todos para o tema.

Hoje existe um conjunto de soluções que garante que os serviços digitais disponibilizados pela AP respondem às necessidades de todos os cidadãos, trata-se do ecossistema de experiência digital, que além do Acessibilidade.gov e das ferramentas já mencionadas, é ainda composto pelo site Usabilidade.gov e pelo Selo de Usabilidade e Acessibilidade, um selo de excelência criado para distinguir boas práticas e que tem três níveis – Bronze, Prata e Ouro.

Sendo um trabalho contínuo, até ao final do ano, a AMA disponibilizará outras novidades que resultam do que vem sendo feito pela sua Equipa de Experiência Digital, no sentido de promover a acessibilidade e a usabilidade digital.

Além disso, a Academia AMA disponibiliza em modalidade e-learning, até 31 de dezembro, o curso “Acessibilidade dos Conteúdos Digitais: da Declaração de Acessibilidade e Usabilidade ao Selo de Excelência” que tem como objetivo principal apresentar uma primeira abordagem às boas práticas e aos requisitos, bem como às ferramentas disponíveis para garantir a sua aplicação nos sítios Web da AP. Este curso foi concebido pela Equipa de Experiência Digital e pela Equipa de Competências e Formação da AMA, em parceria com o Instituto Nacional para a Reabilitação, e a participação é gratuita mediante inscrição, através da Plataforma NAU.

O Dia Internacional das Pessoas com Deficiência é também marcado por uma série de iniciativas, entre as quais destacamos a conferência “Towards Digitally Accessible Europe”, organizada pela International Telecommunication Union (ITU), que decorre online entre as 09:00 e as 11:00, e onde a AMA participará na sessão “Digital Accessibility policies and strategies” com uma intervenção de Sérgio Belo, responsável pela Equipa de Experiência Digital. Este evento marca também o início das atividades relacionadas com o “Accessible Europe: ICT 4 All 2021”, que terá Portugal como anfitrião em março do próximo ano.

O INR é o instituto responsável pela realização das comemorações nacionais do Dia Internacional das Pessoas com Deficiência.

Categorias: Etiquetas:

Acessibilidade Web

Na UE o standard que contém os requisitos de acessibilidade aplicados à Web e às aplicações móveis é a Norma EN301549. Ela não é mais do que uma cópia do standard WCAG 2.1 conformidade ‘AA’. Em Portugal esses requisitos constam do RNID conforme decretado pelo DL n.º 83/2018.

versão 2.1

O validador de práticas de acessibilidade web (WCAG 2.1)

Introduza um url válido. Ex.: http://www.google.pt