Noções sobre as WCAG 2.0

Ir para o conteúdo (Pressione a tecla Enter)

Identificação de Erros:
Noções sobre o CS 3.3.1

3.3.1 Identificação do Erro: Se um erro de entrada for automaticamente detectado, o item que apresenta erro é identificado e o erro é descrito ao utilizador por texto. (Nível A)

Finalidade deste Critério de Sucesso

A finalidade deste Critério de Sucesso é garantir que os utilizadores tenham a noção de que ocorreu um erro e que possam identificar o que está errado. A mensagem de erro deve ser o mais específica possível. Caso a submissão de um formulário seja mal sucedida, a nova apresentação do formulário e a indicação dos campos errados é insuficiente para alguns utilizadores se aperceberem que ocorreu um erro. Os utilizadores de leitores de ecrã, por exemplo, não saberão de que ocorreu um erro até encontrarem um dos indicadores. Poderão abandonar o formulário antes de encontrar a indicação de erro e pensar que a página simplesmente não está funcional.

A identificação e descrição de um erro podem ser conjugadas com a informação programática que os agentes de utilizador ou tecnologias de apoio podem utilizar para identificar um erro e fornecer informação sobre o erro ao utilizador. Por exemplo, algumas tecnologias podem especificar que a entrada do utilizador não pode ocorrer fora de um determinado âmbito ou que é necessário um campo de formulário. Actualmente, poucas tecnologias suportam este tipo de informação programática, mas o Critério de Sucesso não o exige nem o evita.

É perfeitamente aceitável indicar o erro de outro modo, tal como por imagem, cor, etc., além da descrição em texto.

Consulte também as Noções sobre o Critério de Sucesso 3.3.3 Sugestão de Erro.

Benefícios Específicos do Critério de Sucesso 3.3.1

  • Fornecer informação sobre erros de entrada em texto permite aos utilizadores cegos ou com cegueira para cores aperceberem-se de que ocorreu um erro.

  • Este Critério de Sucesso pode ajudar as pessoas com incapacidades cognitivas, de linguagem e aprendizagem que têm dificuldades em compreender o significado representado por ícones ou outros sinais de aviso visuais.

Exemplos do Critério de Sucesso 3.3.1

  • Identificar erros na submissão de um formulário

    Um sítio da Web de compra de bilhetes online oferece uma promoção especial para voos de baixo custo. O utilizador tem de preencher um formulário simples que solicita informações pessoais, tais como o nome, a morada, o número de telefone, se existe alguma preferência por um lugar em especial e o endereço de correio electrónico. Se algum dos campos do formulário ficar por preencher ou for preenchido incorrectamente, é apresentado um alerta ao utilizador cm a indicação do campo ou campos que estão em falta ou incorrectos.

    Nota: Este Critério de Sucesso não significa que não possam ser utilizados os estilos de cor ou de texto para assinalar os erros. Requer, simplesmente, que os erros também sejam identificados utilizando texto. Neste exemplo, são utilizados dois asteriscos para além da cor.

  • Fornecer vários sinais de aviso

    O utilizador não preenche dois campos do formulário. Para além de descrever o erro e de fornecer um caracter único para facilitar a procura dos campos, estes são realçados a amarelo para facilitar a procura visual.

Técnicas e Falhas para o Critério de Sucesso 3.3.1 - Identificação do Erro

Cada item numerado nesta secção representa uma técnica ou combinação de técnicas que o Grupo de Trabalho das WCAG considera serem de tipo suficiente para cumprir este Critério de Sucesso. As técnicas indicadas só cumprem o Critério de Sucesso se todos os requisitos de conformidade das WCAG 2.0 forem cumpridos.

Técnicas de Tipo Suficiente

Instruções: Seleccione a situação abaixo que corresponde ao seu conteúdo. Cada situação inclui técnicas numeradas (ou combinações de técnicas) que o Grupo de Trabalho considera serem de tipo suficiente para essa situação.

Situação A: Se um formulário incluir campos de preenchimento obrigatório pelo utilizador.

  1. G83: Fornecer descrições em texto para identificar os campos obrigatórios que não foram preenchidos

  2. SCR18: Fornecer validação e alertas do lado do cliente (Scripting)

Situação B: Se a informação fornecida pelo utilizador tiver de ser apresentada num formato de dados específico ou incluir determinados valores.

  1. G84: Fornecer uma descrição em texto quando o utilizador fornecer informação que não se enquadre na lista de valores permitidos

  2. G85: Fornecer uma descrição em texto quando a entrada de dados por parte do utilizador não se enquadre no formato ou valores obrigatórios

  3. SCR18: Fornecer validação e alertas do lado do cliente (Scripting)

  4. SCR32: Fornecer validação do lado do cliente e acrescentar texto de erro através do DOM (Scripting)

Técnicas Adicionais (de tipo aconselhada) para o 3.3.1

Embora não sejam necessárias para conformidade, as seguintes técnicas adicionais devem ser consideradas de forma a tornar o conteúdo mais acessível. Nem todas as técnicas podem ser utilizadas ou são eficazes em todas as situações.

Falhas Comuns para o CS 3.3.1

Em seguida, são apresentados os erros comuns considerados como falhas do Critério de Sucesso 3.3.1 pelo Grupo de Trabalho das WCAG .

(actualmente, não existe nenhuma documentada)

Termos-Chave

erro de entrada

informação fornecida pelo utilizador que não é aceite

Nota: Isto inclui:

  1. Informação que é pedida pela página Web, mas omitida pelo utilizador

  2. Informação que é fornecida pelo utilizador, mas que não se enquadra no formato ou valores dos dados exigidos